Consórcio Nordeste quer 'Pacto pela Segurança Pública' para integrar tecnologia e setores de inteligência de polícias estaduais e federal

 Governadores do Consórcio Nordeste, com todos os nove estados da região, estiveram reunidos em João Pessoa, nesta sexta-feira (20). Eles elaboram carta com demandas ao Governo Federal.

Os governadores do Consórcio Nordeste, com todos os nove estados da região, estiveram reunidos em João Pessoa, nesta sexta-feira (20). Entre os temas discutidos está a Segurança Pública, uma preocupação nacional e que chama a atenção também na região fortemente atingida, por exemplo, pelos ataques a agências bancárias.

Na 'Carta de João Pessoa', apresentada após o encontro dos gestores nordestinos, foi apontada a necessidade de um 'Pacto pela Segurança Pública'. "Assim como já temos o Pacto Social do Nordeste, vamos fazer um Pacto pela Segurança Pública, integrando as polícias estaduais, suas soluções tecnológicas e gabinetes de inteligência, somando esforços com a Polícia Federal e o Ministério da Justiça e Segurança Pública."

"Todos os governadores terão a quarta-feira (25) para apresentar as fichas de projetos de cada estado. Discutimos hoje sobre rodovias, energias renováveis, segurança hídrica. Mas discutimos isso de forma global. Na quarta-feira teremos o documento pronto, detalhando, sim, cada prioridade dos estados. E vamos eleger também a prioridade para a região e principalmente a forma como vamos apresentar esse documento", declarou o governador da Paraíba, na entrevista coletiva após a reunião dos governadores do Nordeste, conforme apurou o ClickPB.

Ainda segundo João Azevêdo, "vamos mostrar que o Nordeste não é problema, o Nordeste é solução. Tenho plena convicção de que o Nordeste será ouvido e os estados serão ouvidos porque nós evoluímos muito."

Confira a entrevista coletiva dos governadores e, abaixo, a Carta de João Pessoa


Por ClickPB

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.