Prefeitura de Remígio já gastou R$ 1,2 milhão com combustível em 2022; contrato prevê que valor poderá passar dos R$ 3 milhões

 Conforme apurou o ClickPB, foram pagos R$ 1.207.088,09 por meio de 124 empenhos a um posto de combustível localizado no município.

A prefeitura de Remígio, a 140 quilômetros de João Pessoa,  gastou mais de R$ 1,2 milhão com combustível ao longo do ano de 2022. Conforme apurou o ClickPB, foram pagos R$ 1.207.088,09 por meio de 124 empenhos a um posto de combustível localizado no município. No entanto, o valor poderá ter um acréscimo de R$ 2 millhões, já que há um contrato firmado no início do ano com a mesma empresa no valor de R$ 3,1 milhão.

De acordo com o contrato, firmado por meio de licitação, ao longo do ano o município deve ter recebido 150 mil litros de gasolina, a R$ 6,69 o litro; 170 mil litros de diesel S500, a R$ 5,69 o litro; além de 200 mil litros de diesel S10, a R$ 5,79 o litro. Segundo consta na cláusula quarta do material, "os preços contratados são fixos e irreajustáveis no prazo de um ano", com isso mesmo que o preço dos referidos combustíveis tenham sofrido queda o valor segue o mesmo até o fim da vigência. 

Caso seja consolidado a quantidade de litros de gasolina previstos no contrato (150 mil), um veículo popular da prefeitura poderia dar mais de 40 voltas na terra, considerando que o carro percorra 13 quilômetros com um litro de gasolina. Seriam percorridos, caso o valor seja consolidado, 1.950.000 quilômetros e cada volta na terra equivale a 40.000 quilômetros. 

Se o valor pago até o momento (R$ 1,2 milhão) fosse divido para cada um, cada remigioense receberia  R$ 60,43. O município conta com uma população de  19.973 habitantes.

Confira detalhes dos pagamentos:

Confira a íntegra do contrato:


Por 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.