RÁDIO INFORMATIVO EM FOCO

Queda no sistema do Tribunal Regional Eleitoral provoca filas e lentidão nos cadastros de voto em trânsito na Paraíba

 De acordo com Cassimiro, a queda no sistema que gerou instabilidade "foi decorrente de problemas técnicos. Ainda não estamos 100%, mas já estamos atendendo", disse ao ClickPB.

Após mais de 24h de instabilidade e queda, o sistema do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PB) segue retomando a normalidade nesta quarta-feira (20). Em conversa ao ClickPB, o secretário de tecnologia do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB), José Cassimiro Júnior, destacou que o caso é isolado e que os usuários já podem retornar ao cadastramento presencial do voto em trânsito para as eleições em outubro. 

O serviço ficou fora do ar pelo menos desde às 12h (Brasília) do início de cadastramento que se deu na segunda-feira (18). "Começou na segunda e apresentou instabilidade até a madrugada de hoje. Não chegou a ficar fora do ar completamente, mas estava muito instável", explicou. 

Ainda de acordo com Cassimiro, a queda no sistema que gerou instabilidade "foi decorrente de problemas técnicos. Ainda não estamos 100%, mas já estamos atendendo", disse.

Vale lembrar que o eleitor que esteja em outro estado que não seja o que ele regularmente vota, só poderá votar para presidente da República. Caso esteja apenas em cidade diferente dentro de um mesmo estado, poderá votar em todos os cargos em disputa.

O pedido para transferência temporária de domicílio eleitoral começou nesta segunda-feira e vai até o dia 18 de agosto. Vale destacar que o pedido só pode ser realizado presencialmente em algum cartório eleitoral. O serviço não está disponível via internet e nem é estendido para brasileiros que moram no exterior. 

A modalidade de voto em trânsito é uma possibilidade fornecida pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para a população escolher seus representantes mesmo sem estar no seu domicílio eleitoral. A funcionalidade permite que o eleitor vote em seus candidatos estando fora do estado ou cidade de residência com a transferência momentânea válida apenas para essas eleições. 

Por 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.