Sancel
7.7.21

Auxiliar vê 'poeira baixa' e fôlego novo no Santos após tropeços

 

O Santos vinha de dois tropeços - derrota para o América-MG e empate com o Sport, em casa - e buscava uma boa vitória, que conseguiu ao superar um dos times que briga pela liderança da tabela

vitória sobre o Athletico-PR era tudo o que o Santos buscava para "baixar a poeira" e ganhar fôlego em meio ao apertado calendário do futebol brasileiro e aos desfalques dos últimos jogos. Por isso, o triunfo conquistado na Vila Belmiro, na noite de terça-feira, foi comemorado em tom de alívio pelo auxiliar Eduardo Zuma.

Zuma substituiu Fernando Diniz porque o próprio técnico foi desfalque na Vila, por suspensão. "Ganhar em casa é sempre importante para nós, jogamos bem os últimos jogos e não conseguimos vencer. Enfrentamos um dos líderes, que ataca e se defende bem, tem contra-ataque forte. Somar os três pontos para sequência. Hoje é um dia de desfrutar a vitória", afirmou o auxiliar.

O Santos vinha de dois tropeços - derrota para o América-MG e empate com o Sport, em casa - e buscava uma boa vitória, que conseguiu ao superar um dos times que briga pela liderança da tabela. O triunfo por 2 a 1, com direito a gol contra, foi obtido apesar de seguidos desfalques.

O time santista não teve seus dois laterais titulares (Pará e Felipe Jonatan), o zagueiro Luan Peres, perto de deixar o clube, e o atacante Kaio Jorge, por desgaste físico. "É jogo a jogo, baixar a poeira, calendário apertado. Vamos planejando", disse Zuma, sem esconder o alívio pelo triunfo.

A expectativa é que o Santos possa embalar num momento importante da temporada. No sábado, fará o clássico com o Palmeiras, fora de casa. E, na quinta da próxima semana, retomará a Copa Sul-Americana, contra o Independiente, em casa. No fim do mês, será a vez de voltar a jogar pela Copa do Brasil.

"É natural perder peças por cartão, desgastes, em virtude de algum imprevisto, mas o grupo é muito bom e o ambiente é maravilhoso, funcionários, comissão, direção. Isso contribui para quem entrar, entre bem", comentou o auxiliar, antes de enfatizar a força do Santos na Vila.

"O Santos tem uma magia aqui dentro. Ambiente maravilhoso, clima contagiante, só quem vive aqui dentro para entender essa energia. O que a gente sente é que o grupo é muito trabalhador", declarou.

Por Estadão Conteúdo

  • Comentar com o Gmail
  • Comentar com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Item Reviewed: Auxiliar vê 'poeira baixa' e fôlego novo no Santos após tropeços Rating: 5 Reviewed By: Informativo em Foco