Sancel
12.8.19

Dor de dente na gravidez pode ser perigoso para o bebê: cuidados e tratamento

A gestação é um momento em que inúmeras mudanças são apresentadas às mulheres. Não à toa é normal que haja nesse período uma adaptação do corpo a esse novo período. Contudo, é importante saber identificar o que está dentro da normalidade e o que merece atenção e, nesse último combo, está a dor de dente na gestação.

Dor de dente na gravidez

Por que ocorre?

Andrey_Popov/Shutterstock© Andrey_Popov/Shutterstock Andrey_Popov/Shutterstock
De acordo com a odontopediatra Sandra Kalil Bussadori, professora da Escola de Aperfeiçoamento Profissional da APCD (Associação Paulista de Cirurgiões-Dentistas), as mudanças nos níveis hormonais que ocorrem durante a gravidez muitas vezes tornam propícias mudanças na gengiva, o que normalmente desencadeia inchaço, sangramento e maior acúmulo de tártaros.
O problema é que muitas mulheres não dão atenção ao incômodo, o que pode levar a evolução desse quadro, tornando-o mais grave.

Por que é grave?

fizkes/Shutterstock© fizkes/Shutterstock fizkes/Shutterstock
As bactérias que se instalam no corpo devido à problemas bucais, como a cárie ou a gengivite, podem atingir o bebê através do sistema circulatório e se fixar no tecido que o protege dentro do útero, a placenta.
O ataque é interpretado pelo corpo como momento de “salvar” o bebê e a grávida pode entrar em trabalho de parto muito antes do previsto. Assim, o bebê pode nascer prematuro. Além disso, a criança pode ter baixo peso, problemas de visão ou audição.

Prevenção

sruilk/shutterstock© sruilk/shutterstock sruilk/shutterstock
O Conselho Federal de Odontologia (CFO) chama atenção para a necessidade de todas as mulheres fazerem pré-natal incluindo os cuidados odontológicos, uma vez que muitos tratamentos à quadros graves de doenças bucais não podem ser feitos em gestantes sob o risco de prejudicar o feto.

Tratamento

VGstockstudio/Shutterstock© VGstockstudio/Shutterstock VGstockstudio/Shutterstock
Kalil explica que as limpezas regulares são altamente recomendáveis durante todo período de gravidez e no período pós-parto. O tratamento de lesões de cárie simples, que podem ser restauradas sem uso de anestésicos, também pode ser recomendado pelo médico.
Em casos mais graves, o uso do analgésico ou ácidos pode ser necessário, mas terá doses adaptadas ao período de gestação para não afetar a gravidez.

Para aliviar dor de dente

RyanJLane/istock© RyanJLane/istock RyanJLane/istock
O ideal é que no primeiro sintoma de dor de dente na gestação um dentista seja procurado. Mas em alguns casos é possível recorrer à algumas dicas para aliviar parcialmente a dor como fazer bochechos com água morna e sal; e aplicar gelo, protegido com um pano sobre o rosto.
VIX
  • Comentar com o Gmail
  • Comentar com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Item Reviewed: Dor de dente na gravidez pode ser perigoso para o bebê: cuidados e tratamento Rating: 5 Reviewed By: Informativo em Foco