Sancel
1.10.18

Ana Furtado diz que tratamento para não perder cabelo foi brutal

Convidada do 'Mais Você', apresentadora emocionou Ana Maria Braga com seus relatos

Ana Furtado, 44, foi a convidada desta segunda (1º) do programa Mais Você (Globo). O primeiro programa do mês foi em homenagem ao outubro rosa, mês do combate ao câncer de mama -doença com a qual Furtado foi diagnosticada em março deste ano. 

Ao recebê-la, a apresentadora do Mais Você fez uma linha do tempo de sua batalha contra o câncer. Sua última sessão de quimioterapia aconteceu no dia 5 de setembro, embora o tratamento só termine em dezembro deste ano.
"É muito difícil para mim falar sobre. Tenho usado minhas redes sociais para expor e mostrar meu dia a dia porque decidi ser a dona da minha história, contar minha história e a minha verdade. Ainda não terminei meu tratamento, mas me senti numa responsabilidade muito grande de hoje de vir até aqui me colocar como uma ferramenta de divulgação", disse Furtado, agradecendo o convite de Ana Maria. 
A apresentadora, então, relembrou uma das postagens que Furtado fez, narrando sua última sessão de quimioterapia. Emocionada, Ana Maria não conteve as lágrimas. "Eu falei que não ia dar certo", disse ela."Se vocês não sabem, a Ana é uma grande amiga, eu tenho uma admiração e uma paixão enorme, um amor!", disse Furtado, abraçando a apresentadora. "A Ana é minha vizinha e ela foi uma das primeiras pessoas a saber do meu diagnóstico e eu escolhi você não por acaso, escolhi você porque é uma mulher muito especial e sabia que naquele momento você me daria a força que eu precisava, os conselhos e a paz que eu precisava."
O médico Fernando Maluf, que acompanhou o tratamento de Ana Furtado, também esteve no programa. Um dos assuntos comentados foi a técnica utilizada para que ela não perdesse o cabelo durante a quimioterapia. 
"Eu tinha uma força dentro de mim, uma vontade. Eu falei: não. Eu não vou perder cabelo nenhum. Meu médico me falou dessa tecnologia, essa touca inglesa. A toca ficava -4ºC, é uma dor brutal. Ainda assim eu perdi 30% do meu cabelo, mas foi muito importante para mim", disse ela. 
O oncologista explicou que, ao resfriar o couro cabeludo, a touca diminui a circulação sanguínea e leva menos sangue com os compostos químicos para a cabeça. O processo é feito no hospital e só pode ser manuseado por especialistas.
Como o tratamento não é 100% eficaz, Furtado disse ter perdido cabelo nas laterais e na extremidade do couro cabeludo. Por isso, mudou o visual e cortou franja, para não deixar tão evidente as falhas em torno do rosto.
Ana Furtado, que já retornou ao programa É de Casa, disse que lutar contra a doença a fez perceber a vida de uma maneira diferente. "O câncer se tornou meu grande professor. De caminhar essa jornada com propósito, com amor e com muita paciência." 
Com Folhapress
  • Comentar com o Gmail
  • Comentar com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Item Reviewed: Ana Furtado diz que tratamento para não perder cabelo foi brutal Rating: 5 Reviewed By: Informativo em Foco