Sancel
26.6.18

Abrigo de idoso em JP está irregular e promotora narra sofrimento dos pacientes

A Promotoria de Defesa dos Direitos do Cidadão e do Idoso de João Pessoa vai notificar a diretora da Instituição de Longa Permanência para Idosos Nossa Senhora da Conceição, localizada no Bairro dos Estados, para se pronunciar em relação às irregularidades constatadas no abrigo em inspeção realizada pela Promotoria e Vigilância Sanitária, na última quinta-feira (21). Ela deverá ainda informar o nome de todos os idosos abrigados e de seus familiares.
De acordo com a promotora de Justiça Sônia Maria de Paula Maia, a inspeção foi realizada após denúncias recebida sobre a existência de casas de acolhimento para idosos funcionando irregularmente.
O objetivo foi verificar as condições do local, acomodações, salubridade e acessibilidade. Participaram da fiscalização a promotora Sônia Maia, o assessor João Fernandes e a equipe da Vigilância Sanitária da capital.
A promotora informou que a casa não possui registro na Vigilância Sanitária nem no Conselho Municipal da Pessoa Idosa e abriga 12 idosos e um adulto acamado e que foram constatados sinais de negligência.
“Unhas grandes, barba por fazer, ferimentos visíveis causados por quedas e uma reclamação geral: fome e revolta por terem sido institucionalizados. No compartimento destinado ao refeitório, já passando das 9h, os velhinhos comiam cuscuz seco, sem nenhuma mistura e um pouco de café”, narrou a promotora.
Ainda segundo a promotora, a diretora, apesar de ter sido contatada por telefone, não apareceu. Os idosos que conseguiam falar foram entrevistados. “A situação de risco e vulnerabilidade daquelas pessoas que estavam ali era patente. Era muito desumano ver aquelas criaturas que sequer sabiam informar os nomes de seus familiares, dizerem que estavam com fome e que a dona da casa era muito bruta e ignorante”, disse.
PBAgora
  • Comentar com o Gmail
  • Comentar com o Facebook
Item Reviewed: Abrigo de idoso em JP está irregular e promotora narra sofrimento dos pacientes Rating: 5 Reviewed By: Informativo em Foco