Sancel
5.7.21

Bragantino afunda o São Paulo e mantém liderança

 Foto: Ari Ferreira/Bragatino

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – No pior início de Campeonato Brasileiro de sua história, o São Paulo tem sofrido com as ausências do experiente zagueiro Miranda, 36, considerado pilar defensivo da equipe.

Neste domingo (4), bastou o jogador sentir desconforto e deixar o campo para a equipe tricolor sofrer a virada imposta pelo Bragantino, no Morumbi, por 2 a 1. Com cinco empates e quatro derrotas, o time treinado pelo argentino Hernán Crespo ainda não venceu na competição e amarga a zona de rebaixamento, com aproveitamento de apenas 18% dos pontos disputados.

No mês passado, Miranda sofreu uma lesão na coxa esquerda e foi desfalque por pouco mais de duas semanas. Foram seis gols tomados nas quatro partidas em que ele não foi titular.

O zagueiro voltou na quarta-feira (30), no clássico que terminou sem gols contra o Corinthians, mas foi substituído com dores. Neste domingo, precisou deixar o campo de novo após desconforto.
Contra o Bragantino, líder e único invicto da competição, o São Paulo teve bom início com destaque para a dupla argentina Benítez e Rigoni.

Benítez teve participação na jogada do gol que terminou no cabeceio preciso de Rigoni após cruzamento de Ederainda no primeiro tempo.
Até antes deste domingo, a única vez em que os argentinos foram titulares juntos havia sido no dia 23 de junho, contra o Cuiabá, pela 6ª rodada do Nacional. A partida terminou empatada em 2 a 2, com um gol de Benítez e duas assistências de Rigoni.

Amigos, eles jogaram juntos no Independiente, na Argentina. Os dois foram campeões da Copa Sul-Americana em 2017.

No segundo tempo, o São Paulo sofreu a virada com Alerrandro e Artur, que acertou o gol de Volpi em um belo chute de fora da área.
Com a vitória, o Bragantino mantém a invencibilidade no Brasileiro. Em nove jogos, são seis vitórias e três empates. O time também está com 100% de aproveitamento como visitante, com cinco vitórias em cinco partidas fora de casa.

Na próxima rodada, o São Paulo busca a primeira vitória no campeonato, contra o Internacional, na quarta (7), no Beira-Rio. No mesmo dia, o Bragantino enfrenta o Cuiabá no estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista.

O São Paulo deverá contar com o retorno do técnico Hernán Crespo nesta segunda (5). Ele foi diagnosticado com Covid-19 e esta em isolamento desde o dia 26 de junho. Nesse período, o auxiliar-técnico Juan Branda comandou a equipe paulista à beira do gramado.

SÃO PAULO
Volpi; Bruno Alves, Miranda (Diego Costa), Léo; Daniel Alves, Liziero (Rodrigo Nestor), Luan (Pablo), Benítez, Reinaldo (Vitor Bueno); Rigoni (João Rojas) e Eder. T.: Juan Branda (interino).

RED BULL BRAGANTINO
Cleiton; Aderlan (Weverton), Fabrício Bruno, Natan, Edimar (Weverson); Raul, Lucas Evangelista (Jadsom), Claudinho; Artur, Ytalo (Alerrandro) e Praxedes (Eric Ramires).T.: Maurício Barbieri.

Estádio: Estádio do Morumbi (SP)
Árbitro: Anderson Daronco (RS)
Auxiliares: Rafael da Silva Alves (RS) e Michael Stanislau (RS)
Árbitro VAR: Rodrigo Dalonso Ferreira (SC)
Cartões amarelo: Luan, para o São Paulo; Praxedes, para o Red Bull Bragantino
Gols: Rigoni (SAO), aos 25min do 1ºT, ; Alerrandro (RED), aos 17min do 2ºT, e Artur (RED), aos 29min do 2ºT

Por Folhapress.

  • Comentar com o Gmail
  • Comentar com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Item Reviewed: Bragantino afunda o São Paulo e mantém liderança Rating: 5 Reviewed By: Informativo em Foco