Sancel
3.5.21

Após rebelião que resultou na morte de um adolescente, Fundac abre processo administrativo para apurar motivação

 O objetivo da investigação é identificar e responsabilizar os autores do crime.

Após a rebelião que resultou na morte de um adolescente, a Fundação de Desenvolvimento da Criança e do Adolescente “Alice de Almeida” (Fundac) vai abrir processo administrativo para investigar a motivação do processo de rebelião ocorrido no Centro de Atendimento Socioeducativo Edson Mota (CSE), no início da tarde desta segunda-feira (03). A rebelião foi controlada por volta das 15h15.

O delegado Diego Garcia, informou ao ClickPB que uma apuração segue sendo feita para saber o que causou a morte do jovem e os autores. Segundo informações preliminares, o jovem que foi morto estava sob ameaça.

De acordo com a Coordenação de Segurança da Fundação, os adolescentes iniciaram um processo de rebelião no CSE sem qualquer motivo aparente. A coordenação, com o suporte da Polícia Militar, por meio do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope), realizou os devidos procedimentos de intervenção e contenção dos adolescentes envolvidos na rebelião. 

Segundo a presidente da Fundac, Waleska Ramalho, o órgão se sensibiliza com a perda do adolescente e está à inteira disposição da família para quaisquer esclarecimentos e suporte.

Por ClickPB

  • Comentar com o Gmail
  • Comentar com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Item Reviewed: Após rebelião que resultou na morte de um adolescente, Fundac abre processo administrativo para apurar motivação Rating: 5 Reviewed By: Informativo em Foco