Sancel
7.7.20

Paraíba terá 1.300 câmeras de monitoramento; entre os equipamentos estão os de identificação facial e de leitura de placas de veículos

Equipamentos estão previstos para serem instalados em João Pessoa, Cabedelo, Santa Rita, Bayeux e Campina Grande.

Centro do Sistema de Videomonitoramento na Paraíba terá ação integrada de secretarias e autarquias. (Foto: Divulgação/Secom-PB)
O Estado da Paraíba terá 1.300 câmeras no Sistema de Videomonitoramento do Governo do Estado e que deverão ser instaladas em João Pessoa, Cabedelo, Santa Rita, Bayeux e Campina Grande. Entre os equipamentos estão os de identificação facial e de leitura de placas de veículos que ajudarão as polícias a encontrar fugitivos ou procurados pela Justiça e facilitar o trabalho da Secretaria de Estado da Receita quanto aos veículos de transporte de cargas que passam pelos postos instalados nas rodovias. 
Esses equipamentos, instalados nos municípios, serão capazes de transmitir ao Centro Integrado de Operações (Ciop) imagens visualizadas em videowall. De acordo com o governador João Azevêdo (Cidadania), que concedeu entrevista na tarde desta terça-feira (07), ao Arapuan Verdade, as câmeras têm múltiplas funções. “Não é só a segurança porque dentro de um Centro de Monitoramento tem a Polícia Militar, a Polícia Civil, mas também teremos o Corpo de Bombeiros, agentes de trânsito, da Administração Penitenciária e pessoas da Secretaria de Educação porque tem câmeras espalhadas pelas escolas. Com isso, teremos condições de manter um controle e uma rápida ação, caso haja alguma necessidade de ação de todos esses órgãos”, revelou.
Em relação às câmeras de reconhecimento fácil, o governador disse que haverá mais rapidez no trabalho dos órgãos. “Nós vamos ter câmeras de identificação e de reconhecimento facial colocado em determinados locais, numa rodoviária, num shopping center e que poderá, de uma maneira imediata identificar um fugitivo ou procurado pela Polícia”, contou. Já sobre as de leitura de placas comentou que ajudará no trabalho da Secretaria da Receita. 
“A Secretaria vai evitar parar um caminhão, que venha fazendo um transporte de uma carga, com a simples identificação da placa que mostra de onde é o transporte, que nota fiscal foi emitida, para onde vai e se precisa parar. Isso agiliza e facilita a vida do motorista e rapidamente a carga vai chegar. Você vai ter uma liberação nesses postes, principalmente os de fronteira”, frisou.
Por ClickPB
  • Comentar com o Gmail
  • Comentar com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Item Reviewed: Paraíba terá 1.300 câmeras de monitoramento; entre os equipamentos estão os de identificação facial e de leitura de placas de veículos Rating: 5 Reviewed By: Informativo em Foco