Preso no Paraná acusado de assaltar banco na Paraíba; detido participou de confronto com policiais em Cubati

 Polícias prenderam um dos assaltantes de banco mais procurados do Nordeste. Ele é investigado por 'explosões' a caixas eletrônicos na Paraíba e em outros estados.

A Polícia Civil da Paraíba, em ação conjunta com a Polícia Civil do Paraná, prendeu um dos assaltantes de banco mais procurados do Nordeste. Ele é investigado por 'explosões' a caixas eletrônicos na Paraíba e em outros estados. A prisão foi realizada em Curitiba, nesta segunda-feira (13), por equipes do Centro de Operações Policiais Especiais (COPE), da Polícia Civil paranaense.

O homem de 32 anos estava sendo investigado pela Delegacia de Repressão ao Crime Organizado (DRACO) de João Pessoa. Contra ele havia dois mandados de prisão. O preso é apontado por envolvimento no ataque a uma agência bancária no município de Riacho dos Cavalos, em abril de 2021.

O delegado Diego Beltrão informou que o investigado já havia sido preso na Paraíba, em abril de 2022, com um comparsa, portando fuzis. O foragido é um dos integrantes do grupo criminoso que entrou em confronto com a Polícia Civil da Paraíba, em fevereiro deste ano, no município de Cubati, ainda segundo as informações obtidas pelo ClickPB.

"Nós sabemos que há outros integrantes daquele grupo que estão foragidos, e o preso de hoje é um deles. Conseguimos localizar seu paradeiro em Curitiba e trocamos informações com a Polícia Civil daquele estado, resultando nessa captura de impacto positivo para a segurança pública na Paraíba e no Nordeste", disse o delegado Diego Beltrão.

Redução de 91%

Na última terça-feira, 07 de março, a Secretaria da Segurança e da Defesa Social da Paraíba (Sesds/PB) publicou os dados mais recentes sobre ataques a instituições financeiras no estado. De acordo com os números, de 2016 a 2021, a Paraíba conseguiu uma redução de 91% nos registros de furtos/roubos a bancos.

Por ClickPB

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.