Atum é vendido por mais de R$ 1 milhão em leilão de Ano Novo no Japão

 Valor foi apenas uma fração do preço recorde de 2019, mas mostrou uma recuperação para o simbólico leilão, depois de três anos de queda no preço mais alto.

O atum de preço mais alto no tradicional leilão de Ano Novo de Tóquio foi vendido por mais de US$ 270 mil (mais de R$ 1 milhão) nesta quinta-feira (5), quase o dobro do ano passado, revertendo a tendência pandêmica de preços em queda.

O restaurante de sushi Onodera Group e o atacadista japonês Yamayuki desembolsaram 36,04 milhões de ienes (US$ 273 mil) pelo atum-rabilho de 212 quilos no leilão realizado no mercado de peixes de Toyosu, em Tóquio.

O valor foi apenas uma fração do preço recorde de 2019, mas mostrou uma recuperação para o simbólico leilão, depois de três anos de queda no preço mais alto. O atum mais bem cotado do ano passado foi adquirido pelos mesmos dois compradores por 16,88 milhões de ienes (US$ 127,87 mil, ou R$ 681 mil), em meio à onda de covid-19.

O leilão de Ano Novo é um evento muito esperado em Tóquio. Durante anos, o lance mais elevado foi do autoproclamado "Rei do Atum" Kiyoshi Kimura. Em 2019, ele pagou um recorde de US$ 3,1 milhões por um exemplar. Nos últimos, porém, Kimura não participou, devido aos impactos da pandemia.

Por 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.