Santos deixará de usar camisa 10 de Pelé a partir de janeiro; presidente confirma proposta de aposentadoria

 Andrés Rueda disse à rádio "Bandnews" que diretoria fará proposta ao Conselho

O Santos dará os primeiros passos rumo a uma possível aposentadoria da camisa 10, que foi vestida por Pelé, seu maior ídolo. Após o falecimento do Rei nesta quinta-feira, aos 82 anos, o presidente do clube, Andrés Rueda, confirmou que pretende levar a ideia ao Conselho.

A informação foi dada em entrevista em ao programa "Jornal Bandnews", da rádio "Bandnews". Segundo Rueda, a aposentadoria do número depende de trâmites internos do clube. Mas o Santos já não a usará provisoriamente a partir de janeiro. Atualmente, o camisa 10 santista é o venezuelano Soteldo.

"Com esse entendimento da família, a gente vai propor pro Conselho que se aposente a camisa 10. Isso tem um trâmite burocrático, reunião de Conselho. Agora, enquanto isso, por um ato administrativo, a gente já não vai usar mais a camisa 10 a partir de janeiro, esperando só que vire uma decisão definitiva do nosso Conselho", afirmou o mandatário.
Uma possível aposentadoria do número atenderia a uma vontade da família e de parte de torcedores, que já começam a fazer circular a possibilidade nas redes. Ao longo dos últimos anos, a ideia á foi ventilada em outras oportunidades, ainda com o Rei em vida. Rueda explicou por que a ideia não foi colocada em pauta antes:

— Particularmente, eu sempre fui favorável, é uma excelente homenagem. Por que isso não foi colocado antes: a opinião do sócio santista é meio dividida. Tem uma parte que quer a camisa aposentada e outra grande parte que acredita que não, que o fato dela estar presente vai sempre trazer a lembrança que o Pelé está junto com o time. Com essa divisão de entendimentos, não se colocou.

Por 


Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.