Explosão em mina na Indonésia mata 10 trabalhadores

 

Segundo um porta-voz da autoridade local de resgate, citada pela Associated Press, a última vítima foi resgatada a 240 metros de profundidade.

Uma explosão numa mina de carvão na Indonésia, numa província na ilha de Sumatra, matou dez mineiros esta sexta-feira. Outros quatro foram resgatados pelas autoridades.

Segundo um porta-voz da autoridade local de resgate, citada pela Associated Press, a última vítima foi resgatada a 240 metros de profundidade.

"A maioria das vítimas sofreu queimaduras. Todos os sobreviventes sofreram de falta de ar e estão recebendo o tratamento adequado", explicou a agência.

A explosão teria sido causado por um acumular de gases tóxicos, incluindo metano. A mina situa-se numa propriedade privada no distrito de Sawahlunto, uma região conhecida pela exploração de carvão desde o período colonial neerlandês, que encontrou o combustível fóssil na região no século XIX.

Apesar das dificuldades nas operações, devido à profundidade e complexidade da infraestrutura, as autoridades conseguiram usar ventiladores e tubos de escape para libertar os gases tóxicos e tornar mais seguras as operações.

Os vídeos divulgados pela agência nacional de resgate mostram os trabalhos e a retirada dos corpos do interior da mina.

Não é a primeira vez que as minas na Indonésia são atingidas por estes desastres. As constantes inundações e deslizamentos de terra colocam em risco os trabalhadores das minas do país, que é o quarto maior do mundo em termos de população. Em abril, um camião sobrelotado caiu numa ravina junto a uma mina ilegal de outro, matando 18 pessoas. E em 2019, outra mina ilegal e improvisada colapsou devido aos terrenos movediços, com 40 pessoas a morrerem no interior.

 POR NOTÍCIAS AO MINUTO BRASIL

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.