Vídeo em que José Dirceu é chamado de 'bandido' viraliza na internet

 O ex-ministro foi confrontado por mulher que filma a cena, enquanto uma apoiadora de Dirceu tenta impedir a gravação.

Um vídeo em que José Dirceu é chamado de "bandido" viralizou nas redes sociais nesta quinta-feira (13). Ele foi ministro-chefe da Casa Civil entre 2003 e 2005, durante o governo do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), e condenado em 2012 pelo Supremo Tribunal Federal (STF) no escândalo do Mensalão.

Nas imagens, Dirceu usa um adesivo de Lula, que disputa a eleição ao Palácio do Planalto, e caminha com um grupo de apoiadores, alguns deles usando bonés e camisetas do Movimento de Trabalhadores Sem Terra (MST).


O ex-ministro é chamado de "bandido sem vergonha" por uma mulher que filma a cena, enquanto uma apoiadora de Dirceu tenta impedir a gravação. "Filma seu candidato, por favor. Você não vai perseguir, para de perseguir", diz.

"Eu estou olhando para o bandido. Podia perder direito ao voto", responde a mulher. Outras pessoas também interpelam o ex-ministro. Dirceu percebe e, desconfortável, caminha na direção de um carro que está estacionado. 

José Dirceu foi condenado pelos crimes de corrupção passiva, recebimento de vantagem indevida e lavagem de dinheiro. Segundo a denúncia do Ministério Público Federal (MPF), ele teria utilizado influência política para indicar e manter pessoas na Petrobras, recebendo em troca valores indevidos sobre os contratos celebrados entre a estatal e a empreiteira Engevix.

Segundo documentos anexados aos processos, o ex-ministro teria recebido mais de R$ 15 milhões a título de propina e lavado mais de R$ 10 milhões.

Por 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.