Mãe de adolescente de 12 anos que teria sido vítima de José Dumont depõe: 'tristeza e revolta'

 Dumont é investigado por suspeita de estuprar menino de 12 anos. Vizinhos alertaram polícia sobre o caso.

A mãe do adolescente de 12 que teria sido vítima do ator José Dumont, de 72anos, chegou à Delegacia da Criança e Adolescente Vítima (Dcav), (Dcav), no Centro do Rio, na manhã desta quinta-feira, para prestar depoimento pela primeira vez. Dumont é insvestigado por suspeita de estuprar o menino. Ao chegar ao local, bastante emocionada, a mulher relatou que só soube do que ocorreu com seu filho após o caso ser denunciado por outras pessoas. Vizinhos foram responsáveis por alertar a polícia sobre o caso:

— Eu não sei o que sinto. Tristeza, revolta, não sei explicar. Ninguém imagina que isso aconteceu. Fiquei sabendo após as pessoas denunciarem. A minha vida está difícil. Eu não trabalho mais para organizar a minha vida e a vida do meu filho — relatou aos prantos.

Ela contou que Dumont era muito atencioso com toda a família:

— Ele tratava muito bem a mim e a minha família. Sempre era muito atencioso. A gente quis retribuir a atenção com um bolo de aniversário e aconteceu isso. Só quero justiça. Quero ele preso, porque o meu filho e outras crianças correm risco. Do mesmo jeito que ele fez com o meu filho, ele pode fazer com outras crianças. Será que ele não fez isso com outras crianças e as mães não estão coagidas?

De acordo com André Luiz Garcia Barbosa, advogado da família, os abusos teriam acontecido no entorno da residência do ator, na Zona Sul do Rio.

— A mãe, o padrasto e o menino nunca subiram na casa dele. É bom frisar isso. Tudo teria acontecido no entorno da residência dele.

Antes de saber do abuso, os pais da criança chegaram a fazer uma festa de aniversário, em agosto, para o ator, disse o advogado.

— A família fez uma festa para ele, um bolo, em agosto, no seu aniversário de 72 anos. Foi tudo ali no comércio deles. Dias depois, eles souberam do que estava acontecendo. Quando a mãe soube que a criança foi abusada, foi horrível. A família se sentiu enganada.

O advogado informou que a família processará o artista.

— Vamos processá-lo. Queremos uma ação indenizatória. Vou me habilitar ao processo para acompanhar os trâmites e ver quais das condições de fazer uma proposta na denúncia, para que o Ministério Público peça a prisão dele. Apensar de parecer que não representa um perigo à sociedade, causa sim. Ele pode persuadir testemunhas, deixar os vizinhos com medo etc — avaliou o advogado.

O GLOBO tenta contato com a defesa do ator. Com mais de 40 de carreira, José Dumont estava escalado para a novela "Todas as Flores", no Globoplay, plataforma de streaming da TV Globo, que tem estreia prevista para outubro. Em nota, a Globo afirmou que o ator foi retirado da trama criada e escrita por João Emanuel Carneiro com direção artística de Carlos Araujo.O último trabalho do ator na emissora foi em "Nos tempos do Imperador" (2021). Na novela, ele interpretava Coronel Eudoro, um fazendeiro viúvo, pai de Pilar (Gabriela Medvedovski) e Dolores (Daphne Bozaski).

Por 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.