Câmera flagra assassinato de vereador com tiro à queima-roupa no interior de São Paulo

 Polícia investiga a motivação da morte do vereador Adriano de Moraes (PSB) em Conchas (SP). Nenhum suspeito foi identificado.

O circuito de segurança de um posto de combustíveis registrou o momento em que o vereador de Conchas (SP) Adriano de Moraes (PSB), conhecido como Adriano Cuidador, foi assassinado a tiros.

O crime ocorreu na noite desta segunda-feira (12), enquanto o parlamentar chegava em sua casa após participar de uma sessão na Câmara.

Nas imagens é possível ver que o vereador aguarda a aproximação de um homem, que está encapuzado e usa uma máscara de proteção facial. O autor do crime entrega algo para o vereador e, na sequência, efetua os disparos e foge a pé.

Conforme o registro policial, uma equipe de emergência chegou a ser acionada, mas Adriano de Moraes não resistiu aos ferimentos e morreu no local. Após o crime, a rua ficou isolada até a chegada da Polícia Técnico-Científica.

O corpo de Adriano foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Botucatu. Ele tinha 40 anos.

A polícia investiga a motivação do crime. Até a manhã desta terça-feira (13), nenhum suspeito foi identificado.

Polícia Militar foi até a casa do vereador Adriano Cuidador, assassinado em Conchas — Foto: Jornal Nosso Informativo/Divulgação

Câmera de segurança mostra momento em que vereador Adriano Cuidador é morto a tiros — Foto: Arquivo Pessoal

Vereador Adriano Cuidador é morto a tiros em Conchas (SP) — Foto: Câmara de Conchas/Divulgação

Por 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.