Mulher é presa por obrigar as duas filhas de 13 e 15 anos a se prostituírem

 O padrasto das adolescentes e outros dois homens também foram detidos pelo mesmo crime.

Na terça-feira (12), uma mulher foi presa por obrigar as suas duas filhas, de 13 e 15 anos, a se prostituírem nas cidades de Araçuaí e Itinga, ambas localizadas no Vale do Jequitinhonha (MG). O padrasto das adolescentes e outros dois homens também foram detidos pelo mesmo crime. As informações são do O Tempo.

A Polícia Militar informou que, em maio deste ano, as duas garotas relataram o que ocorria na escola onde frequentavam. Elas disseram que eram levadas para casas de vários homens e tinham de manter relações sexuais com eles. Imediatamente, a instituição de ensino acionou o Conselho Tutelar da região. Depois, o caso passou a ser investigado pela Polícia Civil.

Após os relatos das adolescentes, os suspeitos do crime fugiram. Recentemente, eles foram localizados no bairro Pipoca, em Araçuaí, e no bairro Nova Esperança, em Belo Horizonte.

Além das adolescentes, a mulher tinha mais uma filha, de seis anos. A polícia investiga se ela também era aliciada para a prostituição.

Há suspeita de que as pessoas que foram demitidas também aliciavam outras garotas. Agora, os envolvidos vão responder pelos crimes de estupro de vulnerável, corrupção de menores e associação criminosa.

Depois da prisão, o grupo foi levado para a Delegacia Regional de Polícia Civil de Pedra Azul.

Por 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.