Suspeito que trocou tiros com policial morre no Hospital de Trauma de Campina Grande; PM segue internado

 Policial tem quadro clínico estável após ser baleado em uma tentativa de assalto quando buscava seu filho na escola.

Um homem suspeito de trocar tiros com um policial militarna manhã segunda-feira (27), morreu no Hospital Regional de Emergência e Trauma Dom Luiz Gonzaga Fernandes, por volta das 8h desta terça-feira (28).

Conforme informações da unidade, o homem se chamava Luan Ferreira de Almeida, tinha 29 anos e deu entrada às 12h32 da segunda.

Já o policial não teve seu nome divulgado. Ele tem 39 anos, deu entrada às 11h15, e encontra-se na enfermaria, com quadro de saúde estável.

O policial foi reagir a um assalto. Ele foi baleado na região do peito. O assalto teria sido praticado quando ele esperava o filho na porta de uma escola no bairro Catolé.

Por 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.