Médicos acham copo na bexiga de paciente, anos após 'brincadeira sexual'

 Tunisiana foi ao hospital com fortes dores abdominais e copo foi encontrado; ela contou que usou o objeto como brinquedo sexual anos atrás

Uma tunisiana, de 45 anos, deu entrada em um hospital com fortes dores abdominais. Inicialmente, o caso foi visto como uma possível infecção urinária. Mas, após alguns exames, os médicos ficaram surpresos com o diagnóstico: havia um copo de vidro na bexiga da paciente.

Segundo o The Sun, o raio-x mostrou um copo envolto por uma pedra de 8 cm de largura na bexiga dela. Com isso, a mulher revelou que havia usado o objeto como brinquedo sexual quatro anos atrás. Ela havia inserido o item na uretra – onde a urina passa –, em vez da vagina. 

Um artigo sobre o caso foi publicado na revista médica Wed MD. A publicação diz que, embora não esteja no relatório médico da paciente, ela poderia estar praticando uma "sondagem uretral", "atividade arriscada que envolve a inserção de objeto na uretra para aumentar o prazer e a excitação sexual".  

A tunisiana sofria de mal-estar há anos, mas a dor nunca havia sido investigada. Só que, desta vez, os exames chamaram a atenção dos médicos porque apontavam uma faixa de glóbulos vermelhos acima do normal – o que significa que o corpo está lutando contra uma infecção.

Os profissionais da saúde fizeram uma cirurgia para remover o item e, quando abriram a pedra de 8 cm que estava na bexiga, encontraram o copo ainda intacto. As pedras, que geralmente são pequenas, "se desenvolvem a partir de massas duras de minerais quando a urina não é evacuada adequadamente". Mas também podem crescer em torno de objetos estranhos alojados na bexiga, como o copo de vidro.

Conforme o The Sun, a mulher se recuperou bem da cirurgia e recebeu alta dois dias depois.

Por 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.