Gerente de banco é acusada de roubar R$ 57 mil de empresária através de transações pelo pix em Cabedelo

 De acordo com informações, a gerente confessou o crime e informou que as 18 transações foram realizadas através do pix.

A gerente de um banco é suspeita de roubar R$ 57 mil de uma empresária, cliente da instituição financeira, localizada na cidade de Cabedelo, na Paraíba. De acordo com informações, a gerente confessou o crime e informou que as 18 transações foram realizadas através do pix. 

A empresária informou que começou a desconfiar após procurar a agência para realização de uma transferência, já que nunca teve o hábito de usar aplicativos para ter acesso a transações bancárias. Ela verificou que valores transferidos constavam em seu extrato, mas ela não reconheceu as transações.

A advogada da empresária registrou um boletim de ocorrência e abriu uma investigação contra a agência bancária. Na ação ela solicitou que fossem bloqueadas as seis contas bancárias para as quais os valores foram transferidos. Com isso, a proprietária de uma das contas entrou em contato com a delegacia para saber o porquê do bloqueio. 

Através de uma lista com o nome dos recebimentos se chegou ao nome da gerente de banco da vítima. Após confessar, ela devolver parte do valor e alegou que desviou o dinheiro após passar por dificuldades financeiras.

Segundo a advogada, entre as transferências estavam contratações de decoração para uma festa de chá revelação, pagamento de cuidadora de idosos e contratação de seguro e consórcio.A empresária ainda está com ação em curso na Justiça para receber cerca de R$ 10 mil que ainda restam do prejuízo.

Por ClickPB

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.