Diretor adjunto do presídio Serrotão morre aos 45 anos em Campina Grande

 De acordo com a Polícia Penal, o policial foi a cometido de um problema de saúde e precisou ser submetido a um procedimento cirúrgico no Hospital de Trauma de Campina Grande, porém não resistiu e foi a óbito.

O policial penal, Altenides do Nascimento Martins, de 45 anos, morreu nesta quarta-feira (16), na cidade de Campina Grande na Paraíba. Altenides era diretor adjunto do presídio Serrotão.

De acordo com a Polícia Penal, o policial foi a cometido de um problema de saúde e precisou ser submetido a um procedimento cirúrgico no Hospital de Trauma de Campina Grande, porém não resistiu e foi a óbito. 

A Polícia Penal divulgou uma nota de pesar e se solidarizou com familiares e colegas de Altenides. 

Confira: 

POLÍCIA PENAL DA PARAÍBA DE LUTO!

É com grande pesar que recebo a triste notícia do falecimento do Policial Penal da Paraíba, Altenides do Nascimento Martins, de 45 anos, o mesmo exercia suas funções no presídio do Serrotão de Campina Grande, como diretor adjunto.

Com relevantes serviços prestados, ALTENIDES, estava no sistema prisional da Paraíba, há mais de dez anos sendo aprovado no último concurso, com a sua partida precoce, ele deixa uma grande lacuna nos corações dos familiares, amigos e colegas de trabalho.

Recentemente ele foi acometido de um problema de saúde, sendo submetido a um procedimento cirúrgico no Hospital de Emergência e Trauma de Campina Grande, onde infelizmente pelo agravo do problema existente, não resistiu e veio a óbito.

 Ao tempo dessa publicação, deixo meus sinceros sentimentos de pesar aos familiares e colegas Policiais Penais pela perca irreparável.

Por ClickPB

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.