Criança se enforca em mochila dentro de creche em Canoas, diz polícia

 Segundo a família e a Polícia Civil, ela está em estado gravíssimo e considerado irreversível pelos médicos.

Um menino de 1 ano e 3 meses se enforcou na alça de uma mochila na creche que frequentava, em Canoas, na Região Metropolitana de Porto Alegre, conforme informações da Polícia Civil. O caso aconteceu na tarde de terça-feira (21).

A criança perdeu os sentidos e foi hospitalizada. Segundo a família e a Polícia Civil, ela está em estado gravíssimo e considerado irreversível pelos médicos.

A Polícia Civil abriu inquérito como lesão corporal culposa, ou seja, sem intenção, segundo o delegado Pablo Rocha. Ele ouviu a diretora e a professora da escola informalmente, e também familiares da criança. A creche passou por perícia do Instituto Geral de Perícias do RS (IGP-RS).

A escola infantil, que é particular, informou ao g1 que tem reunião com o Conselho Municipal de Educação durante a tarde. Segundo a direção, a mochila estava pendurada, e o menino se enganchou no acessório. Ele teria ainda rodado com a alça no pescoço.

Desfalecido, foi encaminhado a atendimento médico. Havia mais crianças na sala, que estava sendo assistida por profissionais. A escola, no entanto, não confirma quantas crianças e quais profissionais estavam no local.

Após o fato, a instituição de ensino registrou boletim de ocorrência. Nesta quarta-feira (22), o espaço permaneceu fechado, em respeito à família da criança.

Por 

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.