Paraíba reduz 42% dos ataques a bancos e contabiliza 700 dias sem roubos a agências em 2021

 Em relação especificamente às explosões em agências bancárias, a redução é de 60% em relação a 2020. Foram quatro casos em 2021 e dez no mesmo período do ano anterior.

A Paraíba reduziu 42% das ocorrências no período de janeiro a setembro, em relação aos nove meses de 2020, os ataques a bancos. De acordo com o Núcleo de Análise Criminal e Estatística (Nace) da Sesds, em nove meses de 2021, foram registrados sete casos de assaltos a banco e no ano passado 12. Em relação especificamente às explosões em agências bancárias, a redução é de 60% em relação a 2020. Foram quatro casos em 2021 e dez no mesmo período do ano anterior. 

Dados da Secretaria da Segurança e da Defesa Social (Sesds) revelam ainda, a queda nos registros chega a mais de 90% na comparação com 2016, ano em que aconteceram mais roubos e explosões a bancos e carros-fortes na Paraíba. Além disso, as polícias contabilizam 700 dias sem roubos a banco no Estado. 

Com operações de repressão qualificada, o Estado contabiliza mais de 150 prisões de assaltantes de bancos desde 2019, retirando das ruas quadrilhas especializadas em ataques a instituições financeiras. Dezenas de armas de grosso calibre e vasto material explosivo foram apreendidos pelas forças de segurança, em um trabalho que vem refletindo quedas significativas nos registros dessa modalidade criminosa.

Por ClickPB

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.