Mantida prisão preventiva do acusado de assassinar Patrícia Roberta

 De acordo com a decisão da juíza, a audiência de instrução ficou marcada para o dia 24 de setembro, às 9 horas.

A juíza Francilucy Rejane de Sousa Mota decidiu por manter a prisão preventiva de Jonathan Henrique Conceição dos Santos, de 23 anos, acusado de matar Patrícia Roberta Gomes, de 22 anos, em abril deste ano. De acordo com a decisão da juíza, a audiência de instrução ficou marcada para o dia 24 de setembro, às 9 horas. 

Ainda de acordo com a decisão, a audiência será realizada presencialmente “apenas em caso excepcional será permitida a participação por meio por meio de videoconferência no Aplicativo (App) ZOOM, devendo ser comunicado ao Cartório desta Vara, com a antecedência necessária e mediante justificativa”.

Jonathan é acusado de matar Patrícia Roberta em abril deste ano, e abandonar o corpo em uma área de mata em João Pessoa. Ele foi preso no dia 27 de abril, após pedido do Ministério Público da Paraíba (MPPB), acatado pela juiza Virgínia de Lima Fernandes, da Vara de Execução de Penas Alternativas de João Pessoa.

Por ClickPB

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.