Sancel
18.3.21

Alta taxa de transmissibilidade, falta de vacinas e de consciência da população levam a pandemia ao pior momento, diz secretário de Saúde de João Pessoa

 "Infelizmente ainda vamos padecer muito com essa doença", desabafou o gestor.

O pior momento da maior tragédia sanitária da história do país é a realidade em que se encontra a pandemia da Covid-19 em diversos estados. Para ter certeza, basta olhar em volta e ver as centenas de cidades que estão em fechamento total com o lockdown ou com toque de recolher, ou ainda, em colapso no sistema de saúde, com filas a espera de um leito como acontece em João Pessoa. Em entrevista ao ClickPB, nesta quinta-feira (18), o secretário de Saúde, Fábio Rocha, desabafou acerca da doença que já tirou a vida de 1.424 pessoas na Capital, segundo dados do Painel Covid-19 que monitora diariamente os casos. 

O secretário considera que com a alta de novos casos, a tendência é que haja um recorde da pandemia. Para ele, diversos fatores mostram por que o Brasil está no pior momento da pandemia. "O pico da pandemia registrado nos últimos dias, se deve a alguns fatores, como a alta transmissibilidade do vírus, com as mutações sendo identificadas, a falta de vacinas para atender a demanda mundial e a falta de consciência da população que insiste em não usar máscaras e permanecer sem obedecer as medidas de combate ao vírus, a exemplo do isolamento social", explicou.

Fábio Rocha ainda destaca que a produção das vacinas não atende a demanda mundial. "Todo o planeta está atrás desse liquido milagroso. Infelizmente ainda vamos padecer muito com essa doença. As pessoas pensam que não pegam, mas as chances de contaminação são reais", disse.

A Paraíba passa pelo momento mais grave desde o começo da pandemia do novo coronavírus, quando o primeiro caso foi identificado em março de 2020. O Estado vem alcançando números preocupantes de novos casos confirmados, de mortes e de ocupação de leitos. Segundo o boletim epidemiológico, divulgado nesta quinta-feira (18), pela Secretaria de Saúde do Estado, 5.123 mortes foram registradas.

O boletim registra ainda um total de 172.788 pacientes recuperados da doença e 242.995 casos confirmados. Até o momento, 703.932 testes para diagnóstico da Covid-19 já foram realizados. Até o momento, 388.398 doses da vacina já foram distribuídas em todo o Estado.

Por ClickPB

  • Comentar com o Gmail
  • Comentar com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Item Reviewed: Alta taxa de transmissibilidade, falta de vacinas e de consciência da população levam a pandemia ao pior momento, diz secretário de Saúde de João Pessoa Rating: 5 Reviewed By: Informativo em Foco