Sancel
9.9.19

Paraíba reforça vigilância contra o Sarampo após confirmação do 14º caso em Pernambuco

A maioria dos casos são da cidade de Taquaritinga do Norte, no Agreste, com cinco ocorrências, incluindo um óbito de um bebê de sete meses.

Até o dia 4 de setembro, foram realizadas 83 notificações suspeitas de sarampo no estado, destas, 29 foram descartadas, ficando 54 em investigação (destes, 20 com a primeira amostra IgM reagente ou indeterminada). (Foto: Reprodução)
O estado vizinho à Paraíba, Pernambuco confirmou o aumento de treze para catorze, no número de notificações de casos suspeitos de sarampo. A confirmação foi feita após análise laboratorial realizada pelo Laboratório Central de Saúde Pública de Pernambuco (Lacen-PE) e a Fiocruz RJ. A maioria dos casos são da cidade de Taquaritinga do Norte, no Agreste, com cinco ocorrências, incluindo um óbito de um bebê de sete meses.
De acordo com a gerente executiva de Vigilância em Saúde da Secretaria Estadual de Saúde, Talita Tavares, será lançado a partir desta segunda-feira, a propaganda chamando os pais e responsáveis para vacinarem suas crianças. A ideia é manter o estado em alerta, evitando assim novos casos. 
As principais vítimas geralmente são bebês e crianças com deficiência de vitamina A, desnutridos, gestantes, imunodeprimidos e adultos jovens entre 20 e 29 anos, sendo a vacinação a principal forma de evitar a doença. 
Segundo ela, todos os municípios estão em alerta para que notifiquem com urgência os casos suspeitos, respeitando assim a meta do Ministério da Saúde, que tem como objetivo diminuir os óbitos em crianças menores de cinco anos de idade. 
Até o dia 4 de setembro, foram realizadas 83 notificações suspeitas de sarampo no estado, destas, 29 foram descartadas, ficando 54 em investigação (destes, 20 com a primeira amostra IgM reagente ou indeterminada).
Fonte: ClickPB
  • Comentar com o Gmail
  • Comentar com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Item Reviewed: Paraíba reforça vigilância contra o Sarampo após confirmação do 14º caso em Pernambuco Rating: 5 Reviewed By: Informativo em Foco