Sancel
13.9.19

Grávida pode fazer exercício físico! Saiba as recomendações

Muitas grávidas não possuem o costume de praticar exercícios físicos por acharem que o esforço excessivo pode colocar sua gestação em risco. No entanto, segundo a ginecologista coordenadora do Grupo Saúde Reprodutiva e Hábitos Saudáveis, Fernanda Surita, praticar exercícios físicos na gravidez pode ser mais benéfico do que se imagina, tanto para a mãe quanto para o feto.
Benefícios do exercício físico para grávidas
Essa prática promove um aumento na capacidade aeróbica, diminui as dores lombares conforme a barriga cresce, reduz a chance de pré-eclâmpsia, previne contra a diabetes gestacional, diminui o risco de parto prematuro, reduz o estresse e a fadiga.
A ginecologista recomenda que a mulher faça o que gosta e lista alguns exercícios físicos para grávidas.
Melhores exercícios físicos para grávidas
"De forma geral, qualquer exercício, que não tenha risco de queda, a grávida pode fazer, desde que ela esteja respeitando as condições do seu corpo", afirma Fernanda Surita. Alguns dos exercícios recomendados pela médica são:
  • Yoga
  • Pilates
  • Caminhada
  • Hidroginástica
  • Alongamento
  • Exercícios de fortalecimento muscular
A médica afirma que esses exercícios devem ser praticados com uma intensidade moderada e ainda reforça a importância da orientação de um profissional como educador físico para orientar a grávida
Quanto aos exercícios de maior impacto com risco de queda, como luta e basquete, por exemplo, devem ser evitados.
Exercícios em casa para grávidas
Mesmo aquelas mulheres que não tem condições de fazer os exercícios citados, ainda é possível garantir um melhor condicionamento físico. "Os exercícios devem ser estimulados. A grávida pode praticar caminhada, pode fazer um agachamento apoiada na cadeira ou ainda um alongamento no colchonete de casa", afirma a ginecologista.
Contraindicações
Segundo Fernanda, os únicos casos que praticar exercícios físicos pode apresentar riscos é para quem teve ameaça de aborto, placenta prévia e bolsa rota. Além disso, confira outras situações que essa prática não é indicada
  • Doenças cardíacas
  • Doenças restritivas dos pulmões
  • Cerclagem cervical
  • Gestações múltiplas
  • Sangramento persistente
  • Placenta prévia após a 26ª semana
  • Trabalho de parto prematuro
  • Ruptura de membranas
  • Pré-eclâmpsia/hipertensão induzida pela gravidez
Essas inovações foram apresentadas no VI Simpósio Internacional da Assistência ao Parto (Siaparto).
MinhaVida
  • Comentar com o Gmail
  • Comentar com o Facebook

0 comentários:

Postar um comentário

Item Reviewed: Grávida pode fazer exercício físico! Saiba as recomendações Rating: 5 Reviewed By: Informativo em Foco